• Home
  • Bolos
  • Bolo de Cenoura – Vegan, Sem Glúten, Sem Lacticínios
Bolo de Cenoura – Vegan, Sem Glúten, Sem Lacticínios

Partilhe na sua rede social:

Or you can just copy and share this url

Bolo de Cenoura – Vegan, Sem Glúten, Sem Lacticínios

Características:
  • Bebés dos 12 aos 24 meses
  • Crianças com mais de 24 meses
  • Paleo
  • Sem Glúten
  • Sem Lacticínios
  • Sem Lactose
  • Sem Ovo
  • Vegan
  • Vegetariano (ovo-lacto)
  • 50 min
  • Serve 1
  • Fácil
Partilhar

Diariamente, recebo muitos pedidos de receitas. Alguns são de grávidas ou mães que procuram alternativas mais saudáveis para os filhos. Outros são de pessoas que querem perder peso,  de portadores de algum tipo de doença autoimune, de celíacos ou intolerantes ao glúten ou de pessoas com aplv ou intolerância à lactose. Outros ainda, são de vegetarianos/vegans que tentam fundir ambos os conceitos e seguir uma linha mais saudável, sem fugir aos seus princípios. Independentemente do motivo e do tipo de alimentação que seguem, todos, sem exceção, têm algo em comum: procuram algo mais saudável que lhes permita fugir aos processados e ao açúcar refinado.

Confesso que é bom sentir que existem cada vez mais pessoas a tomar consciência dos malefícios do açúcar e do enorme impacto que este tem na nossa saúde, tanto física como mental. E, se ainda não fazem parte deste leque de pessoas, vou tentar convencer-vos. Sim, basicamente, atrai-vos até aqui com a imagem de um bolo, mas na verdade eu quero mesmo é falar mal do açúcar. Por isso antes de passarmos à receita vamos primeiro ter, aqui, um momento (pouco) doce.

Açúcar, açúcar, açúcar

Acham que o açúcar está apenas no pacote que juntam ao café ou aos bolos, gelados e outros doces? Desenganem-se. O queridinho da indústria está escondido na grande maioria dos alimentos processados. Bacon, presunto, molhos, conservas, batatas fritas, lasanhas, iogurtes, refrigerantes e muitos outros têm, todos eles, açúcar adicionado. Porquê? Pq além de ajudar a conservar, torna-os mais apelativos ao paladar e aumenta a vontade, não só de os consumir em maior quantidade, como também de voltar a repetir o seu consumo em ocasiões futuras. Por outras palavras: vicia.

O seu consumo regular compromete a nossa saúde. Causa problemas metabólicos, nomeadamente obesidade, colesterol alto, hipertensão e níveis elevados de glicemia e insulina, que podem provocar doenças graves como a doença hepática – «fígado gordo» e a diabetes tipo 2.  Além disso, a ingestão regular de açúcar altera a microbiota do intestino potenciando a permeabilidade intestinal e comprometendo o sistema imunitário, ao diminuir a capacidade do organismo de resistir a doenças infeciosas e a reações alérgicas, como sinusite, eczema e asma. Pode, também, afetar a visão, o sono, a saúde dos ossos e dentes (cáries), da pele, das unhas e do cabelo. O seu consumo regular está também, associado ao aparecimento de doenças autoimunes, doenças cardíacas e, até, ao eventual aparecimento de células cancerígenas.

E mais açúcar…

Muitas vezes não existe noção, por parte do consumidor, da real quantidade de açúcar que consome diariamente, porque este é apresentado com outra denominação: frutose, sacarose, glicose, dextrose, maltodextrina, xarope de milho, xarope de arroz, xarope de agave, a título de exemplo, são, todos eles açúcar.

É, pois, crucial aprender a ler os rótulos e saber interpretar corretamente a lista de ingredientes e a informação nutricional de cada alimento. Só assim saberão, de facto, o que estão a consumir.

Agora que já semeei o pânico e o horror, vamos então à receita. Sim, é um doce, e, é até um pouco irónico apresentar-vos um bolo, depois de ter estado a falar sobre os malefícios do açúcar, mas é feito apenas com ingredientes naturais e mantive a fibra da laranja e da cenoura. Será sempre uma alternativa mais saudável do que qualquer bolo de compra. O meu objetivo não é criar stress emocional devido uma alimentação muito restrita, nem apoio qualquer tipo de extremismo. Quero, sim, elucidar e ao mesmo tempo oferecer alternativas e soluções mais saudáveis.

É um bolo muito rápido de preparar – demora menos de 10 minutos e vai para o forno – tem uma textura muito tenra, fofa e húmida. Pode até ser uma boa alternativa para crianças a partir dos 12 meses, se optarem por não adoçar e utilizarem um chocolate com 99% de cacau. Tanto a cenoura como a laranja são doces o suficiente para adoçar o bolo. A baunilha acaba por, também ela, ajudar a criar uma certa ilusão de doce e a pedra de sal vai realçar o sabor de todos os outros ingredientes, ironicamente, levando a que pareçam mais doces.

Para tornar tudo ainda mais fácil e rápido utilizei a minha nova Companion XL, da Moulinex.

Ingredientes

Bolo:

  • 150 grs de cenoura crua, com casca, às rodelas
  • 150 grs de polpa de laranja (sem casca, sem caroços e sem partes brancas)
  • 60 ml de azeite extra virgem
  • 70 ml de “leite” vegetal (usei de amêndoa)
  • 120 grs de farinha de amêndoa – uso da Prozis – código MAMAPALEO dá 10% de desconto em tudo
  • 40 grs de farinha de coco – usei da Origens Bio – código MAMAPALEO10 dá 10% de desconto em tudo no site da Origens Bio
  • 35 grs de farinha de araruta (podem usar farinha de arroz ou polvilho doce) usei da Villarica Gourmet Store. – Código MAMAPALEO dá 5% de desconto em tudo no site
  • 1 colher de sopa de pasta de tâmaras ou de açúcar de coco ou de xilitol – (uso da Iswari– código mama_paleo dá 10% de desconto em todas as compras). – Ajustar quantidade de acordo com o vosso gosto pessoal
  • 1 colher de sopa de fermento para bolos
  • 2 gotas de essência de baunilha
  • 1 colher de chá de canela em pó
  • pitada de sal

Cobertura:

  • 150 grs de tablete de chocolate (min 85% de cacau)
  • 2 colheres de sopa de óleo de coco – usei da Origens Bio – código MAMAPALEO10 dá 10% de desconto em tudo no site da Origens Bio
  • 2 colheres de sopa de “leite” vegetal (usei de amêndoa)

Preparação

Com a Companion XL

Bolo:

  • Colocar a cenoura, a laranja, o azeite e o “leite” vegetal na taça da Companion XL e triturar tudo ( lâmina de amassar/triturar, velocidade 12, durante 3 min).
  • Juntar os restantes ingredientes e misturar tudo muito bem (programa P3 massas).
  • Verter a massa para uma forma de silicone (pequena) e levar ao forno pré-aquecido a 180º, durante 40 minutos.

Cobertura:

  • Colocar 700ml de água na taça principal.
  • Colocar a mini taça na taça principal, equipada com a lâmina picadora e adicionar todos os ingredientes.
  • Derreter os ingredientes em ” banho maria” ( velocidade 5, 100°,18 minutos)
  • Cobrir o bolo com o chocolate derretido.
  • Por último, levar ao frio, no mínimo, 1 hora.

Sem robot

Bolo:

  • Colocar a cenoura, a laranja, o azeite e o “leite” vegetal numa taça e triturar tudo.
  • Depois juntar os restantes ingredientes e misturar tudo muito bem.
  • De seguida, verter a massa para uma forma de silicone (pequena) e levar ao forno pré-aquecido a 180º, durante 40 minutos.

Cobertura:

  • Derreter todos os ingredientes em ” banho maria”
  • Cobrir o bolo com o chocolate derretido.
  • Por último, levar ao frio, no mínimo, 1 hora.

 

Receita em parceria com a Moulinex
(Visited 152.114 times, 8 visits today)

Ana SGuerreiro

Olá! Chamo-me Ana S. Guerreiro, sou mãe de um menino lindo com 4 anos, sou algarvia, formada em psicologia e apaixonada pelo mundo das artes e por culinária.

anterior
Bolachinhas de Aveia – Vegan, Sem Glúten, Sem Lacticínios
próxima
Panquecas Roxas – Sem Glúten, Sem Lacticínios
anterior
Bolachinhas de Aveia – Vegan, Sem Glúten, Sem Lacticínios
próxima
Panquecas Roxas – Sem Glúten, Sem Lacticínios

8 Comentários Esconder comentários

Bom dia Ana segui a receita à risca (sem robot) e a massa ficou sólida e dura, nada fofa. A única diferença foi que fiz farinha a partir dos flocos de aveia. Sabe o que pode ter acontecido? Obrigada

Obrigada pelos esclarecimentos sobre o açúcar, já estava informada mas é algo que se deve dizer vezes sem conta. Há sempre alguém que ainda desconhece a verdade sobre o açúcar.

Olá Ana. Adoro os seus bolos a as receitas no geral. Ontem fiz o bolo de espinafres e ficou uma maravilha, meu bebé de 2 anos gostou tanto que acordou hoje e a primeira coisa que pediu foi bolo 🙂
Queria tentar fazer este para este fim-de-semana para um encontro de bebés mas vi que não há ovo. É assim? Fica fofo na mesma?
bjs

Olá! ahhh que bom! Fico muito feliz por saber que o pequenino gostou 🙂 Este fica tenro, mais estilo queijada 🙂 e convém usar uma forma pequenina de 14 cm ou dobrar os ingredientes se for para muitas pessoas. beijinho

Adicione o seu comentário